Matterhorn, a montanha mais conhecida dos Alpes em Zermatt - Suíça

O Matterhorn ou monte Cervino é talvez a montanha mais conhecida dos Alpes. Localizado na fronteira da Suíça com a Itália, a sua graciosa silhueta domina a vila suíça de Zermatt e a localidade italiana de Breuil-Cervinia, no município de Valtournenche.

Foi a última grande montanha dos Alpes a ser escalada, talvez devido aos receios que provocava em muitos montanhistas. A sua primeira ascensão marca o final da idade de ouro do alpinismo de meados do século XIX. Apesar de se destacar com um desnível alto e forma triangular bem definida, não possui um valor elevado de proeminência topográfica pois muitos montes mais altos são próximos e unidos por tergos de altitude elevada (casos do Monte Rosa, Dom de Mischabel, Liskamm e Weisshorn). O seu cume-pai é o Weisshorn.

A sua vertente norte é uma das "grandes vertentes norte dos Alpes".


matterhorn suiça

Em Rothorn dá para avistar o Matterhorn com uma das melhores vistas, aquela clássica do chocolate Toblerone! 

matterhorn

A sua forma inspirou a cultura ocidental em numerosas ocasiões, desde o formato do chocolate Toblerone, ao batismo de outros montes de forma semelhante (como o Machapuchare, o Matterhorn do Nepal), à decoração de capas de álbuns dos grupos Depeche Mode e Goldfrapp.

Este acidente geográfico faz parte da divisória de águas entre o mar Adriático e o mar Mediterrâneo, e com 4478 m no topo do seu pico piramidal, faz parte dos cumes dos Alpes com mais de 4000 m.


Gornergratbahn│Zermatt - Gornergrat The Matterhorn Railway │Train Switzerland |  Matterhorn


Escalando o Matterhorn - Climbing the Matterhorn Como Chegar no Matterhorn:
A opção mais comum é subir de trem.
A montanha é a principal atração de Zermatt, no cantão de Valais, na Suíça.
A estação da ferrovia Gornergratbahn fica em frente à estação principal de Zermatt. Como não passa por vilarejos, é tida como uma ferrovia turística; 
Gornergratbahn
São 35 minutos até o Gornergrat, que fica a 3.100m de altitude




Para maiores informações acesse:


Comentários